• 03 SET 19
    • 0
    Precisão no exame hormonal garante mais qualidade de vida ao paciente

    O Tommasi acaba de desenvolver uma nova forma de análise de testes hormonais: agora os resultados contam com maior precisão. Tudo isso para que você tenha ainda mais respaldo na interpretação da condição clínica de seu paciente e, assim, na indicação adequada de seu tratamento.

    Os hormônios esteroides atuam no metabolismo das proteínas, lipídeos e dos carboidratos; no transporte de eletrólitos; na distribuição de água para os tecidos; e ainda são responsáveis pelo desenvolvimento das características sexuais do indivíduo. O excesso ou a escassez desses hormônios pode gerar um desequilíbrio bioquímico, levando o paciente aos mais variados sinais e sintomas indesejados.

    Quando se tem os valores precisos dos hormônios esteroides, a avaliação do quadro do paciente torna-se mais concreta, eventuais interferências medicamentosas ou de uso de suplementos não mencionados ficam mais evidentes e a informação obtida se torna mais relevante. Interpretações cada vez mais precisas, o real conhecimento das concentrações dos hormônios e as indicações de dosagem são, portanto, extremamente importantes para a qualidade de vida do indivíduo. Assim, alcançamos prevenção de alterações hormonais e metabólicas, o diagnóstico de um desequilíbrio endócrino e indicações robustas de tratamento.

    Sensibilidade e precisão nos resultados

    Considerando a importância da realização de exames precisos que busquem a orientação para dosagem correta dos hormônios esteroides dos pacientes, o Tommasi desenvolveu um novo método de referência para suas análises. Esse novo recurso associa detecção e dosagem desses hormônios com a especificidade necessária para minimizar as interferências que podem comprometer as tomadas de decisões clínicas. Uma metodologia que oferece mais segurança tanto para você, médico, quanto para seus pacientes.

    Referências

    TAYLOR A. E.; KEEVIL, B.; HUHTANIEMI I. T. Mass spectrometry and immunoassay: how to measure steroid hormones today and tomorrow. European Journal of Endocrinology. D1–D12, n173, 2015.

    JANNETTO, P.J.; FITZGERALD, R.L. Effective Use of Mass Spectrometry in the Clinical

    Laboratory. Clinical Chemistry, 62:1, 2016.

    Deixe um comentário →

Deixe um comentário

Cancel reply